Durante a consulte aproveite para esclarecer suas dúvidas e, assim, comparecer à clínica sentindo-se seguro e confiante.

As colonoscopias não emergenciais são agendadas com antecedência, pois é necessário um preparo adequado, com dieta específica e uso de laxantes para boa execução do exame.

Caso o paciente não obedeça à dieta indicada, o intestino não estará limpo e em condições para ser examinado – o que levaria a um constrangimento e o contratempo da marcação de uma nova data.

O paciente deve trazer um acompanhante, retirar jóias e bijouterias antes do exame (ou até mesmo já vir sem elas).

Dieta para realização do exame

  • Parte da preparação para a colonoscopia inclui uma dieta que evita a ingestão de líquidos alcoólicos ou outros de coloração vermelha ou púrpura. Estão liberados, para a véspera do exame, água, café, chás de cor clara, sucos de fruta sem polpa, refrigerantes e caldo natural de galinha.

3 dias antes do exame

  • Deve ser evitados também, por no mínimo 3 dias antes do exame, as saladas de folhas, como também frutas e vegetais fibrosos.

No dia anterior ao exame

  • No café  da manhã, tomar chás ou café puro e biscoitos tipo água e sal. Não tomar leite ou derivados, nem comer frutas.
  • Às 10 horas tomar dois comprimidos de DULCOLAX.
  • Na hora do almoço, ingerir apenas arroz, purê de batata (e no máximo um peito de frango desfiado).
  • De sobremesa, e no máximo comer gelatina (sem frutas).
  • Almoçar mais cedo (até as 11 horas).
  • A partir das 11 horas, tomar somente líquidos sem resíduos (água, chá mate e gatorade de limão).
  • Às 14 horas, tomar mais dois comprimidos de DULCOLAX.
  • Às 16 horas, misturar dois (02) frascos de MANITOL a 20% de 250ml com 500ml de limonada coada, (ou H2OH! ou Sprite) e tomar aos goles durante três a quatro horas.
  • IMPORTANTE: Lembre-se de ingerir outros líquidos de cores claras, sem resíduos, durante todo o dia.

NO DIA DO EXAME

  • Oito horas antes do exame, tomar um frasco de DIMETICONA de 10 ml, e em seguida, misturar um frasco de MANITOL a 20% de 250ml com 250ml de limonada coada (pode adoçar com adoçante), ou refrigerante claro, (ou Sprite ou H2OH!). Tomar aos goles, em uma a duas horas. Tomar água até 4 horas antes do exame. Depois manter jejum absoluto.

 

Durante o exame

Ao ser chamado para o exame, o paciente recebe uma vestimenta adequada e, em seguida, é levado para a sala de exames.

Serão aplicados medicamentos sedativos pela veia, cujo propósito é ajudar no relaxamento e maior conforto do paciente, que vai dormir durante o exame. Por essa razão, vale lembrar, embora o paciente possa sentir-se mentalmente alerta após o exame, é provável perceber lapsos de memória, reações lentas e dificuldade de julgamento crítico nas 12 horas posteriores a essa sedação.

O colonoscópio é equipado com uma câmera em miniatura, parte do sistema que vai transmitir as imagens internas do intestino grosso à tela do monitor. É introduzido um tubo flexível dentro do reto e do cólon, que é movimentado e joga água e ar dentro do intestino.

A imagem interna é ampliada para que o médico está verifique a existência no intestino grosso de:

  • sangramento;
  • inflamações;
  • tumores.
  • O colonoscópio também permite a passagem de instrumentos através dos quais o médico pode:
  • Obter amostras de tecidos para biópsia;
  • Remover objetos estranhos ou pólipos;
  • Estancar sangramento intestinal;
  • Cauterizar tecidos lesionados;
  • Injetar soluções.

Uma colonoscopia geralmente dura entre 15 minutos a até 1 hora. Ao final do procedimento, o paciente é levado para uma sala de recuperação.

Após aproximadamente 1 hora de repouso, o paciente está liberado para voltar à sua casa e deve descansar o restante do dia.

Depois do exame

Por isso, nas primeiras 12 horas após a sedação, podem ocorrer lapsos de memória, reações mais lentas ou ainda prejuízo na capacidade de julgamento preciso em certas situações.

Algumas precauções são importantes depois do exame:

  • Estar acompanhado de um familiar ou amigo responsável que também o leve de volta para casa;
  • Após o exame não dirigir ou operar equipamentos motorizados;
  • Tirar o restante do dia para repousar;
  • Ingerir líquidos e alimentos leves;
  • Solicitar atestado médico para justificar falta ao trabalho, se for o caso;
  • Não assumir responsabilidade de cuidar de crianças ou pessoas dependentes ou que necessitem cuidado e atenção especial;
  • Não andar de bicicleta,skate ou praticar qualquer atividade que exija equilíbrio e reflexos rápidos pois, na falta deles, o paciente está propício a acidentes;
  • Evitar exercícios ou a prática de esportes;
  • Adiar decisões importantes, como assinar documentos ou participar de eventos judiciais que envolvam atenção e discernimento.

Os desconfortos normais

Gases: É comum o acúmulo de gases após o exame, o que provoca um pouco de dor e/ou cólica, mas este desconforto passa, geralmente, até 24 horas após o exame e com a total expulsão dos gases. Recomenda-se caminhar para ajudar no alívio. Seu médico também pode receitar algum medicamento nesse caso.

Hematoma/Inchaço: No local onde foi introduzida a injeção na veia podem surgir mancha roxa ou protuberância, mas ambas desaparecem em poucos dias. Pode-se aplicar, gentilmente, um hidratante, ou pedir a seu médico que receite uma pomada adequada para acelerar o desaparecimento da mancha, conforme a conveniência do paciente.

Riscos associados à colonoscopia

São raras as complicações sérias devido a esse exame, mas há relatos na literatura médica de sangramento, especialmente se foi realizada a extração de pólipos. Também se encontram relatos de perfuração ou corte do tecido de revestimento interno do intestino. Em ambos os casos, pode ser necessária internação hospitalar para uma possível cirurgia.

Há alguns tipos de infecção associados a esse exame. Não deixe de conversar francamente com seu médico sobre qualquer dúvida – isso aprofunda a relação de confiança e estreita a relação médico-paciente na busca por resultados satisfatórios do tratamento.